Índices de Vegetação: saiba tudo sobre a interferência de nuvens!

Tempo de leitura: 3 minutos

Nesse post você irá saber como as nuvens influenciam os Índices de Vegetação, possibilidades e análise. Também será abordado a importância do planejamento de voo. Continue lendo e fique por dentro de tudo! 

Planejamento de Voo

Tudo começa no planejamento, é um das partes essenciais para garantir que todo o trabalho posterior seja desenvolvido. É estipulado alguns parâmetros como altura, GSD, Perímetro da Área Útil, Janela de Voo (que geralmente ocorre das 10h30 às 14h30, onde se pega o sol à pino e evita sombreamento) e etc.

Quando um planejamento é feito de modo a compreender todas as influências naturais e técnicas é possível garantir o máximo de aproveitamento dos voos uma vez que isso diminui custos e tempo e garante maior eficiência em relação aos índices de vegetação.

Índices de Vegetação

Saiba como fazer planejamento de voo de grandes áreas!

Meteorologia

Esse planejamento sempre analisa a meteorologia, pois é indicado pela fabricante da câmera que se execute o voo em duas ocasiões: quando o céu está totalmente limpo (sem presença de nuvens) ou totalmente nublado. Isso evita o efeito de nuvens rolantes que fazem com que o terreno fique  sombreado e comprometa a qualidade, pois interfere na reflectância da planta.

NDVI ou NDRE: entenda as diferenças e possibilidades de aplicações! 

É importante lembrar que quando falamos sobre fatores climáticos estamos levando em consideração: a radiação que em linhas gerais pode ser definida como todo calor recebido pela atmosfera (espectro eletromagnético); a temperatura que é a mensuração do calor na atmosfera; a pressão atmosférica que é o peso exercido pelo ar sobre a superfície e a Umidade que é a quantidade de água em sua forma gasosa presente na atmosfera.

Índices de Vegetação

Vale lembrar que para fazer o índice de vegetação é usado uma equação que captura a reflectância das bandas multiespectrais; A onda eletromagnética chega na planta que absorve uma parte, transmite outra, e o que ela reflete é calculado para saber se está saudável ou não.

Sensor de Luz

As nuvens fazendo o sombreamento identifica que os raios solares não estão incidentes nas plantas e quando se faz o ortomosaico dependendo da altura de voo pode acontecer de ter um resultado de índice de vegetação duplamente falso, pois estará capturando a nuvem em si, não “enxergando as plantas no terreno”, e capturando as sombras que estas nuvens estão direcionando nas plantas.

Outra recomendação da fabricante da câmera é em relação a ISO conforme a exposição de luz que permite ajustar a câmera de acordo com o sensor DLS. Esse sensor conversa com a câmera permitindo uma regularidade no processamento de imagens, sempre mantendo um padrão brilho, porém isso não evita os sombreamentos oriundos das nuvens no solo.

Altitude de Voo

Altitude de voo é um fator importantíssimo para manter uma estratégia que evite o efeito da nuvem rolante, pois em muitos caso é necessário que o Vant não esteja sobre a nuvem e alguns casos abaixo dela conforme o clima.

Índices de Vegetação

Imagem: Interferência das nuvens nos índices de vegetação. 

Engenheiro Agrônomo: André Aprelini 

Agora que você já sabe quais são as influências das nuvens nos Índices de Vegetação, converse com um de nossos especialistas e aprenda fazer um planejamento impecável!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *