Conheça a história de Carlos e veja como ele atingiu o sonho de abrir sua empresa

Tempo de leitura: 3 minutos

A empresa Aerus Engenharia é resultado de um sonho, que construí com muita curiosidade e tentativas, que resultaram até em um desastre com a queda do meu primeiro drone, um Phantom 4 Pro.

 

Essa é a fala de Carlos Roberto do Rosario Filho, proprietário da Aerus Engenharia, empresa que ele fundou ainda esse ano, no dia 01 de fevereiro de 2019.

“Durante dois anos venho me aperfeiçoando para introduzir no mercado topográfico a tecnologia com drones, porém usando softwares e ferramentas que não estavam evoluídas ainda para o mercado. Quando descobri a Droneng percebi o quanto o mercado estava evoluindo e sim, achei o momento certo para fundar a Aerus Engenharia”, disse Carlos.

Carlos que é técnico em desenvolvimento de produtos e estudante de Engenharia Civil, conta que começou sua profissionalização na área com o curso gratuito “Mapeamento aéreo express” da Droneng.

Dois anos depois, realizou o curso completo em Mapeamento aéreo urbano, também pela Droneng.

Depois disso, abriu sua empresa na cidade de Joinville, em Santa Catarina, onde também mora. Ele conta que o início foi um pouco difícil, já que a cultura do drone em Joinville, cidade alemã, é bem insegura e rejeitada.

Mas, apesar disso, ele ainda fala que após apresentarem os produtos gerados pelo aerolevantamento as expectativas mudaram.

“Após realizar o curso na Droneng conseguimos profissionalizar o que fazíamos pontualmente como um hobby ou diferencial para os clientes, e passamos a ter como fonte primordial para os diversos trabalhos na área rural, urbana e com algumas mineradoras”, disse Carlos.

“Sou muito grato pela Droneng, pois foi a partir dela que conseguimos ter uma visão profissional de como mensurar os custos e extrair melhor das ferramentas, software e drone”.

Hoje, já após alguns meses de fundação da empresa, Carlos fala que estão operando 100% com o drone Mavic Pro 2.

Ele conta que a maioria de seus clientes pedem as nuvens geradas pelos drones para incorporar em seus projetos arquitetônicos, além de empresas de britagem que pedem para calcularem o volume de estoque no pátio e então está ficando cada vez mais comum essa linguagem na cidade de Joinville e em todo o estado de Santa Catarina.

Carlos ainda conta que o que mais pesou na decisão em usar os drones em seus trabalhos é o acesso a lugares complicados, a segurança e a velocidade do cadastro.

Atualmente, após a realização dos cursos e sua aplicação nos projetos de engenharia, Carlos pode se enxergar em uma nova época profissional.

“Hoje, graças ao curso e nossa ousadia estamos mais seguros em relação ao que o drone pode gerar de material na engenharia. Após alguns testes de precisão que fizemos com a topografia convencional, podemos provar que com o aerolevantamento temos mais qualidade e detalhes em nosso material”.

Agradecimento especial à Carlos Roberto do Rosario Filho que dividiu com a Droneng um pouquinho da sua história! Somos muito felizes em ter você no nosso time!

CONTINUE LENDO

Sabe esses dois cursos da Droneng que o Carlos nos contou que fez antes de abrir a sua empresa? Não conhece ainda?

Então vou te contar um pouco sobre eles… Nosso curso gratuito “Mapeamento aéreo express” é voltado para quem deseja ter uma visão completa do mercado do mapeamento aéreo.

Já o nosso curso de Topografia com drones em ambiente urbano te ensina a realizar todas as etapas de um projeto de mapeamento aéreo com drones. Nele você vai encontrar toda a:

  • Introdução
  • Planejamento
  • Execução em campo
  • Processamento
  • E muito mais!

Clique na imagem a seguir e faça parte do nosso time.

Quem sabe você não é o próximo a contar sua história aqui, não é mesmo? Estamos te esperando!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *