Mapeamento Aéreo: como garantir a qualidade dos produtos gerados

Tempo de leitura: 5 minutos

As geotecnologias têm sido uma grande aliada da agricultura, os ganhos proporcionados por essa integração são inúmeros e graças a esta integração hoje é possível produzir mais com menos, mas o que é geotecnologia?

 

As geotecnologias são o conjunto de tecnologias para coleta, processamento, análise e oferta de informação com referência geográfica.

 

Antes de entrarmos nas tecnologias propriamente ditas iremos dar um passo atrás, como em qualquer seguimento existe um mercado de pesquisa e desenvolvimento e um mercado de aplicação, a grande maioria das pesquisas é realizada em universidades, ela está em constante busca por descobrir algo novo ou aperfeiçoar o que já existe, já o mercado necessita da aplicação desta pesquisa, ou seja, através do que foi descoberto utilizar na prática resolvendo problemas reais.

 

As principais ciências cartográficas são: Topografia, Geodésia, Sensoriamento Remoto e Fotogrametria, dentro destas ciências existem tecnologias de aquisição, processamento e análise de dados, estas ciências são complementares e cada uma possui uma particularidade de aplicação.

                         topografia geodesia Fotogrametria sensoriamento remoto

Tecnologias de aquisição de dados, da esquerda para direita: Topografia, Geodésia, Fotogrametria, Sensoriamento Remoto

 

Podemos dividi-las em dois grupos, a Topografia e a Geodésia utilizam o solo como meio de aquisição de dados, ou seja, para coletar dados de determinado objeto é necessário que você ocupe este objeto no terreno, já a Fotogrametria e o Sensoriamento Remoto, coletam dados de forma remota, ou seja, não é necessário ocupar o objeto de interesse, uma utiliza o espaço aéreo e a outra o espaço orbital (satélites em órbita em volta da Terra).

O Drone é uma tecnologia de aquisição de dados da Fotogrametria, portanto, é errado comparar o Drone com a Fotogrametria, um é a ciência e outro uma ferramenta desta ciência.

 mapeamento aéreo com drones

Agora que você já conhece a ciência por trás dos Drones, iremos abordar os principais indicadores de qualidade de um mapeamento aéreo com drones, de maneira simples e resumida, você deve se atentar a estes três indicadores:

 

Qualidade espacial: representa o nível de detalhamento do projeto, ou seja, qual é o menor objeto que será representado na imagem (que irá aparecer na imagem), antes de elaborar um projeto de mapeamento aéreo é necessário entender as necessidades do cliente, a partir desta informação escolhe-se o tamanho da lente que será utilizada e qual altura o Drone deverá sobrevoar para garantir este nível de detalhamento.

 

Qualidade visual: esta ligada diretamente com a qualidade do sensor da câmera utilizada, muitas pessoas confundem com os megapixels da câmera, esta informação é referente ao tamanho da imagem (quantidade de pixels), influência no desempenho de softwares de classificação e interpretação de imagens, para garantir uma boa resolução é recomendada a utilização de câmeras como, Sony, Canon, Nikon ou superiores.

 

Qualidade posicional: este é o indicador mais importante do projeto, representa qual a acurácia do seu mapeamento, está ligada ao georreferenciamento da imagem, ou seja, se eu realizar uma medida na imagem qual é o erro em relação ao terreno? Quando se diz que um voo têm uma acurácia de 3 cm, isso quer dizer que se você medir um ponto na imagem este ponto pode estar em um raio de 3 cm no terreno, através deste indicador que você irá definir se o mapeamento aéreo é ou não viável para o problema específico que você está trabalhando, para garantir uma boa qualidade posicional é recomendado um bom sistema embarcado no Drone e a utilização de pontos de controle em solo.

Tenho visto em muitos debates algumas pessoas perguntando em relação a a qualidade do mapeamento aéreo com drones para a extração das linhas de plantio, ao garantir uma boa qualidade posicional em seu mapeamento, as linhas extraídas deste mosaico de imagens (geralmente no formato shape) estarão diretamente ligadas a acurácia do georreferenciamento, ou seja, a qualidade posicional do seu projeto.

 

A qualidade espacial sempre será o seu ponto de partida, para definir qual será o nível de detalhamento do seu mapeamento é necessário entender as necessidades do seu cliente, alguns projetos a qualidade visual é mais importante, em outros é a qualidade posicional, uma dica é investir em uma boa câmera e garantir uma qualidade visual em todos os mapeamentos. A qualidade posicional será definida de acordo com o objetivo do projeto, de uma maneira simples você deve perguntar ao cliente se ele irá utilizar as informações em solo, caso a sua necessidade seja apenas numérica, tamanho da área, perímetro, etc. não é necessário um voo preciso.

Quer saber como fazer uma mapeamento aéreo com Drones e se podem ajudar em seu trabalho? Criamos um curso totalmente online de Fotogrametria com Drones, trouxemos ao mercado uma abordagem nova onde proporcionamos conhecimentos contínuo aos nossos alunos, o curso é composto por aulas online, grupo de discussão no Facebook, dúvidas ao vivo através de um Webinar Online mensal e certificado de conclusão do curso, as aulas se iniciam no momento da matrícula e você terá acesso por tempo ilimitado as aulas e ao grupo de discussão, assim o seu aprendizado não acaba quando você assiste todas as aulas.

webinar_fotogrametria

4 Comentários


  1. Estou enteressado nesse curso como faço para começar qual drone comprar?

    Responder

  2. Boa nte Manoel, gostaria de saber valores, o equipamento no caso do batmap ja vem com gps para a implantação dos pontos de apoio em terra?

    Responder

    1. Fala Cassio, tudo bem?

      Não, esse é um trabalho a parte realizado em alguns casos onde se é necessário uma alta precisão posicional, o BATMAP vai completo para você capturar as imagens aéreas.

      Quanto a valores do BATMAP, acesse: http://batmap.com.br

      Lá você encontra todas as informações técnicas e comerciais,

      Forte abraço!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *